A Dor Serena


Uma mãe capaz de suportar serenamente a dor da morte de um filho surge aos olhos alheios como insensível. Como se ausência de gritos significasse falta de amor!

Há dois anos,  minha amada e saudosa Lilih teve sua passagem desta vida terrena... A imagem que ficou é de uma jovem alegre, risonha, amorosa e companheirinha. Uma perda irreparável, uma dor infinita... Mas, a certeza de que minha filha caçula tornou-se um anjo que me protegerá a cada dia até o final de minha existência...

Hoje tem festa no céu. Pai e filha de mãos dadas caminhando na Eternidade. Embora distante, minha mente e coração seguem vocês na mesma estrada...

Minha singela homenagem à filha amada que tanta falta me faz.  Tenho saudade das músicas tocadas no teclado, do abraço apertado e dos momentos quando praticávamos a terapia do riso... Descanse em paz, meu anjo!

Definição de filho por José Saramago:

Filho é um ser que nos emprestaram por um curso intensivo de como amar alguém além de nós mesmos, de como mudar nossos piores defeitos para darmos os melhores exemplos e de aprendermos a ter coragem. Isto mesmo! Ser pai ou mãe é o maior ato de coragem que alguém pode ter, porque é se expor a todo tipo de dor, principalmente da incerteza de estar agindo corretamente e do medo de perder algo tão amado. Perder? Como? Não é nosso, recordam-se? Foi apenas um empréstimo...


Melhor visualização na tela cheia (full screen). Clique Play e a letra "F" no teclado.
Fundo musical: Aurio Corrá - Azul
Formatação: Simone Pereira Rodrigues

Um comentário:

  1. Linda homenagem para estrela que brilha no céu, eternamente em nossas lembranças.

    ResponderExcluir