Como capturar porcos selvagens






“Um dia, os porcos selvagens representaram a indignação dos justos e o grito de liberdade.”






A Coletânea dos 100 trabalhos, selecionados no Concurso de Redação para Universitários (promovidos pela Editora Folha Dirigida e UNESCO), cujo tema foi “Como vencer a Pobreza e a Desigualdade”, expressa o pensamento da juventude universitária brasileira. O tema está inserido nas principais questões que desafiam o nosso tempo, e que foram sintetizadas nos oito Objetivos para o Desenvolvimento do Milênio, aprovados no ano 2000 por 189 países, entre eles o Brasil. Uma das metas mais importantes desse pacto é a eliminação da extrema pobreza e da fome existente no planeta até o ano de 2015. Aqui fica minha pergunta: Será possível?

São textos dignos de reflexão. Oxalá nossos governantes tivessem interesse nessa rica leitura, porque acesso eles têm, o que falta é boa vontade!

De todas as redações, optei por destacar alguns fragmentos. Vale a leitura na íntegra!

Pátria Madrasta Vil, de Clarice Zeitel: “É disso que o Brasil precisa: mudanças estruturais, revolucionárias, que quebrem esse sistema-esquema social montado...”

Repensar a escolha certa, de Adaílton Nunes Rocha: “Este é o momento de escolhermos a igualdade, o sonho, a partilha. É também o momento de renunciarmos à miséria, à desigualdade e ao egoísmo.”

Arquétipo, de Ana Maria Amorim Correia: “Onde enterraram nossos valores? Fincam os pêsames em nossas esperanças. A falta que não se enche de signos, palavras, tons.”

A desigualdade de gênero, de Andréia Costa Souza: “Um sistema educacional eficiente não pode se limitar a lições simplistas, que apenas dizem: não seja! Mas transparente e preparado para dizer por que somos e nos tornamos.”

Vida desigual. Vida Pobre, por Ariani Caetano Parpaiola: “Mas a justiça é feita por homens. Não por Deus. E os homens são desiguais. E pobres. Pobres de ideias...”

Na apresentação abaixo, um exemplo interessante de como tirar a liberdade pela servidão..

Melhor visualização na tela cheia (full screen)
Formatação: Elio Fernandes
Fundo musical: Illumination, White Stones, Secret Garden

2 comentários:

  1. Puxa, fiquei de queixo caído com esta história dos porcos!
    Não é que é assim mesmo?
    Adorei esta frase: “Um sistema educacional eficiente não pode se limitar a lições simplistas, que apenas dizem: não seja! Mas transparente e preparado para dizer por que somos e nos tornamos.”
    Aluna inteligente e perspicaz essa. Infelizmente essa consciência não é do agrado de governantes, seja de que país for...
    Bom ,mas vamos continuar contribuindo para expandir consciências porque se não o fizermos, será pior.
    Muito boa sua página de reflexão.
    abraços

    ResponderExcluir
  2. Agradeço o prestígio da visita, amiga Atena. Seus comentários sempre enriquecem este espaço.
    Concordo com você quando diz que devemos continuar contribuindo para conscientizar pessoas, mesmo que sejam poucas. É bem como a fábula do pássaro tentando apagar o fogo na floresta. Se cada um de nós fizer sua parte, o incêndio se extingue...
    Meu forte abraço,
    Yolanda

    ResponderExcluir

Este blog foi criado em 2009, por causa das lindas apresentações recebidas de contatos conhecidos, que dedicam parte de seu tempo formatando textos com imagens e canções belíssimas.
Espero que você aprecie e deixe seu comentário.
Meu forte abraço,