Credo da Paz



Sou responsável pela guerra quando menosprezo as opiniões alheias que diferem das minhas próprias.

Sou responsável pela paz se concedo ao meu semelhante o direito pleno de se expressar, de acordo com o seu próprio entendimento das verdades da vida.

Quando recebi esta apresentação, logo me lembrei de uma postagem que li recentemente sobre “Anjos e Demônios”, publicada no Evoluímos? No entendimento do autor, nas pessoas existem as mesmas necessidades, fraquezas, dúvidas, aspirações e dores – razão de serem chamadas de semelhantes.  Podemos ser anjos quando estendemos a mão, ou demônios quando produzimos o mau real.

Além disso, fui movida a escrever sobre o tema ao ler um comentário numa rede social, onde se questiona a sinceridade nas amizades virtuais. Fiquei um pouco chocada com a colocação do comentarista, porque este declara que nem uma pequena porcentagem daqueles que mantêm contato mais estreito não será capaz de se lembrar dos pequenos mimos daqui a algum tempo...  Em minha opinião, mesmo que isso aconteça, o que vale é o hoje e o agora.

Para quantos amigos da infância, da adolescência, das viagens realizadas ou das festas freqüentadas nós juramos amizade eterna? Onde eles estão hoje? É certo que cada um tomou seu rumo, seguiu o seu caminho e deixou saudade... Isso acontece na vida real, por que seria diferente no mundo digital?

Se alguém continuará sendo ou não amigo, o tempo se encarregará de responder. O que fica é a lembrança de cada um em nossa memória.

Melhor visualização na tela inteira (full screen)

O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis. (Fernando Sabino)
 
Fundo musical: Regenerar, de José Carlos Arantes

11 comentários:

  1. Yolanda, é um belo vídeo mesmo...
    Somos responsaveis por tudo o que corre a nossa volta e devemos ter responsabilidade sobre as nossas ações.
    Um abraço,

    ResponderExcluir
  2. Olá querida Yolanda!
    Amiga somos responsáveis sempre,tudo ao nosso redor depende exclusivamente de nós.
    Mas as pessoas tem que se lembrar que a vida é feita de momentos e basta nós eterniza-los.
    A sinceridade existe sim virtualmente,os que acham que não !
    Julgam por si só e não pelo coletivo.
    Momentos que se tornaram a fórmula de nossas vidas.
    Momentos que hoje são as marcas,deixadas pelo tempo no nosso coração.
    E isso é nossa responsabilidade nunca deixar que eles morram dentro de nós!
    O vídeo é espetacular!
    Parabéns pelo post,sensacional!
    Bjos em seu coração com cheirinho de Jasmin!

    ResponderExcluir
  3. Olá querida Yolanda!
    Muito boa a sua reflexão, minha amiga!
    Eu, continuo acreditando, que tudo tem a sua razão e momento de acontecer e que ninguém passa por nossa vida por acaso. Mesmo as que duram pouco, ainda assim conseguem deixar um pouco de aprendizado. E , na verdade, aprendemos cada vez mais sobre nós mesmos quando permitimos que essas portas sejam abertas! Nada, a não ser nossos sentimentos, podem durar para sempre...e ainda assim, estão sujeitos a sofrerem as mudanças do tempo e do nosso amadurecimento. Concordo plenamente com o início de sua reflexão, sobre a guerra e a paz... Somos nós que fazemos essa roda girar e nós, somente nós, temos o poder de traçar a sua rota!
    Contarmos com a presença dos outros para darmos sentido à vida, nada mais é do que colocarmos sobre os outros a grande responsabilidade de dar-nos respostas que temos dentro de nós!
    Amigos serão amigos... não importa quanto tempo dure a amizade, pois trouxeram-nos, de alguma forma, enriquecimento!
    Grande beijo e parabéns pelo post!
    Jackie

    ResponderExcluir
  4. Olá Yolanda!!

    Maravilhosa mensagem de responsabilidade em nossas atitudes e palavras! O único meio de ganharmos liberdade na vida, é usando o bom senso e a inteligência na ética, usando a boa vontade de Deus para com os homens e assim já estaremos caminhando para amar a si mesmo e aos outros, por isso se dá a liberdade humana, na ciência de que pode-se participar em qualquer canto do mundo, pois manterá o bem em si, que nos permite respirar a vida participando do seu fluxo e ser livres! Obrigada por mais um belíssimo momento de reflexão e bem estar!

    Um abraço,
    "Todo o Conhecimento é Luz que Inspira a Alma" -*Vera Luz*-

    ResponderExcluir
  5. Nossos fracassos, nossas vitórias, nossas alegrias e tristezas, somos unicos e ninguém mais responsável, se plantarmos o bem colheremos o bem, se plantarmos o mal.... Temos visto isto ultimamente.
    Abraços forte

    ResponderExcluir
  6. Que alegria receber a visita de todos vocês, amigos: Malu, Professor Renato Pantanal, Claudia, Jackie, Vera Luz, Príncipe Encantado!
    Seus comentários iluminam e enriquecem esta publicação.
    Eu já escrevi antes perguntando que outro meio seria possível tantas manifestações de carinho?
    Meu muito obrigada.
    Deixo aqui um forte e afetuoso abraço a todos.
    Yolanda

    ResponderExcluir
  7. Que Post Fantástico, Fantástico e Fantástico!
    Amiga YOLANDA:
    Parabenizo-a de todo o meu coração por tão importante e belíssima homenagem em registro de um dos bens mais preciosos que é a PAZ, que você nos presenteou e endosso com a minha assinatura tudo o que você sabiamente narrou.
    Paz a sua Família, a Você e a toda a humanidade!
    Paz e Luz!
    De coração,
    LISON.

    ResponderExcluir
  8. Amigo escritor Lison, fico feliz pela sua visita e seu comentário generoso.

    O mundo precisa um pouco mais de amor... Tenho insistido nesse tema.

    "Paz aos homens de boa vontade..."

    Um forte abraço,
    Yolanda

    ResponderExcluir
  9. Amiga Yolanda, texto maravilhoso, linda reflexão e que honra ser citado em sua postagem.
    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  10. Para mim foi uma alegria poder citar o seu blogue, amigo Erivelton.
    Gosto das postagens que você escreve.
    Meu grande abraço,
    Yolanda

    ResponderExcluir