Sinto vergonha de mim


O excelente texto de Cleide Canton, lindamente formatado por ZZCouto Slides, e gentilmente autorizado para inserir neste blog, traduz meu sentimento após o resultado das eleições para presidente do Brasil. 

Tenho vergonha de mim, pois faço parte de um povo que não reconheço, enveredando por caminhos que não quero percorrer...
 

Melhor visualização na tela inteira (full screen)

Formatação: ZZCouto Slides
Fundo musical: Música: Brasil Piano-R.Koury

10 comentários:

  1. lindo e fantástico!
    não tenho para onde ir pois amo este meu chão,
    exatamente o que sinto após o resultado.

    ResponderExcluir
  2. Minha querida Yolanda,
    adorei a sua postagem com o nosso trabalho.
    Meu e da Cleide Canton, Sinto Vergonha de Mim...
    Obrigada de coração.
    Beijos de
    ZzCouto

    ResponderExcluir
  3. é muito forte a mensagem, muito bem escrita também!
    é um retrato do sentimento de muitos...
    só nos resta torcer por um bom governo, para o bem de todos.
    mas ando muito assustado com o que vi..

    hj estava uma guerra no twitter, o povo brigando por causa do resultado, um forte xenofobismo contra nordestinos, "culpados" pela vitória da Dilma, nunca vi tanta manifestação de preconceito junta...
    desculpe desabafar rs
    boa semana pra vc

    ResponderExcluir
  4. Fico feliz com a visita, Andreia.
    Não há para onde fugir, realmente...
    Meu afeutoso abraço,
    Yolanda

    ResponderExcluir
  5. ZZCouto, foi uma satisfação enorme poder compartilhar este seu trabalho, com o excelente texto de Cleide Canton,neste meu espaço.
    Agradeço o carinho.
    Meu sincero abraço,
    Yolanda

    ResponderExcluir
  6. Alexandre, que alegria tê-lo por aqui!
    A mensagem é forte, de fato. Retratou bem meu sentimento.
    Mas, também assustei-me com o que li durante a campanha eleitoral. As pessoas podem divergir em seus pontos de vista, mas é inaceitável o deboche e a falt de bom senso.
    Agora é cuidar para que a cordialidade prevaleça e que as diferenças sejam respeitadas.
    Meu carinhoso abraço,
    Yolanda

    ResponderExcluir
  7. O leite ja esta derramado, nao adianta chorar mais.
    Em Brasilia teremos a sombra de Lula governando o pais ao lado de Palocci que foi eleito pelo povo, Jose Dirceu, companheiro de armas de Dilma, Tiririca pra lembrar nossa responsabilidade em votar melhor na proxima vez, Sra. Marta Suplici a nos dizer quando coisas começarem a acontecer, como uma invasao do MST ou a tomada pelo Chaves de alguma industria brasileira em solo Venezuelano, ela dirá a nós : " Relaxa e goza".
    Minha amiga no Canada, pensou que era piada a candidatura do Tiririca, depois disso, ela nao pensa em voltar. O que começa mal, termina como?
    Cabe agora a sociedade orar e vigiar, pois a partir de Janeiro, sob nova direção, o pais sera entregue a novos representantes.
    Melhor começar a rezar já.

    ResponderExcluir
  8. Quanta demonstração de repúdio à uma das maiores demonstrações de democracia do país.
    Vocês deviam se envergonhar por torcer contra a sua nação.
    Deviam desejar que nossa agora presidente tenha luz, saúde e serenidade para essa responsabilidade.
    Aceitem o resultado. Isso é democracia, conquistada depois de muita tortura e morte por gente da própria geração de vocês.
    O brasileiro só sabe reclamar, nunca reconhece o que há de bom.
    Reclama sem razão e desconfia sem motivo.
    Eu prefiro olhar pra frente e ser otimista, torcer e cobrar.
    E não me envergonho. Eu nem votei nela.

    ResponderExcluir
  9. Agradeço a visita, amigo Silvio.
    Minha tristeza continua... Mas já que foi decidido nas urnas a nova Presidente do país, que assim seja!
    É torcer para um governo eficaz e sério para o bem desta grandiosa nação.
    Meu abraço,
    Yolanda

    ResponderExcluir
  10. Ari,
    Quero agradecer sua visita e comentário.
    Entendo seu ponto de vista quando defende que devemos olhar para a frente e apoiar a nova Presidente deste imenso Brasil.
    Creio que o sentimento momentâneo é o da frustração dos que votaram no candidato adversário, por acreditar nas ideias e na experiência do candidato como político,
    independente do partido que segue.
    Agora é hora, sim, de juntar esforços para o futuro da nação.
    Beijos
    Yolanda

    ResponderExcluir