Índios do Brasil


Nesta apresentação, algumas imagens das poucas tribos indígenas restantes, espalhadas pelo território brasileiro.

Segundo a Fundação Nacional do Índio (FUNAI), na época do descobrimento existiam mais de mil povos, sendo cinco milhões de indígenas. Hoje são 227 povos, e sua população está em torno de 450 mil (0,2% da população).

O Censo 2010, organizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), vai revelar quantos povos e línguas indígenas existem no país; vai trazer uma nova visão do índio. Eles são a cara do país, diz a antropóloga e demógrafa Marta Maria Azevedo, pesquisadora do Núcleo de Estudos de População (Nepo) da Unicamp.

“Acima de tudo, os dados do Censo vão ajudar o Estado e as organizações indígenas a melhorar o controle social sobre as políticas públicas dos índios. As várias instâncias governamentais terão uma base melhor para pensar e avaliar políticas”, pondera Marta.

Veja matéria completa na Revista Pesquisa FAPESP Online, intitulada Diversidade Brasileira:

Formatação: Helga

4 comentários:

  1. Boa matéria; lindo Blog! Amei tudo. Parabéns!
    BEIJOOOOSSSSSS

    ResponderExcluir
  2. Agradeço seu gentil comentário, Neusa.
    Meu abraço,
    Yolanda

    ResponderExcluir
  3. Saudações!
    Amiga Yolanda:
    Mais uma excelente matéria!
    Eu até acredito nos elevados propósitos da Dra. Marta Maria Azevedo sobre o resultado do censo enfocando a população indígena. Agora, eu particularmente, acho que está mais fácil o Rio Amazonas correr ao contrário que a minoria de ONGs abrirem a caixa preta dos números reais. Aí é que está a fonte de sobrevivência dos ongueiros picaretas, afinal é expressivo o números de etnias que eles controlam.
    Parabéns por mais uma excelente matéria.
    Abraços,
    LISON.

    ResponderExcluir
  4. Tem razão, amigo Lison. É pena que determinados grupos acharam na defesa aparente da causa dos índios, um meio lucrativo. Triste isso!

    Aproveitando sua visita, gostaria que você me indicasse um conto seu sobre o povo indígena. Terei gosto em ler.

    Abraços,
    Yolanda

    ResponderExcluir