O poder e os seus delírios

Melhor visualização na tela inteira (full screen)

Criação: Téa Lótus

O texto inicia com a frase de Albert Einstein: “Só existem duas coisas infinitas: O Universo e a estupidez humana”. Trata da conscientização da força das grandes potências e, mais do que tudo, o poder que cada um de nós possui. Em grupos de qualquer tamanho, a partir dos casais, a convivência entre as pessoas – desde que fundamentada em algum tipo de dependência - tem por base o exercício do poder, da intimidação.

“Presos ao ego sequioso de poder, todos sofremos ou causamos algum tipo de medo”.

0 comentários. Para comentar clique aqui.:

Postar um comentário