Dia do Bombeiro



Em 2 de julho de 1856, o Imperador D.Pedro II, assinava o Decreto Imperial nº 1.775, que regulamentava, pela primeira vez no Brasil, o serviço de extinção de incêndio. Nessa época, ao sinal de incêndio, o badalar dos sinos alertava homens, mulheres e crianças que ficavam em fila e, do poço mais próximo, passavam baldes de mão em mão, até chegarem ao local que estivesse em chamas. Para oficializar a importância do bombeiro, por decreto do Presidente da República, desde 1954, todo 2 de julho deve ser dedicado a homenagear esses profissionais dispostos a arriscar-se para salvar a vida de estranhos.

Poucos sabem, mas muitos civis auxiliam como profissionais da área: o Bombeiro Civil, que tem conhecimento, treinamento, equipamento e experiência para prevenir, corrigir e atuar em casos de emergência. Faz cursos de, no mínimo, 220 horas e é uma profissão regulamentada pela lei federal 11.901 de 12 de janeiro de 2009. O Bombeiro Civil é autoridade em emergências. É o responsável por liderar e atender vítimas, decidir o que fazer, como e quando. Sua atuação é auxiliar os Bombeiros Militares, sendo que esses últimos são, por força de lei, as autoridades máximas em ocorrências de grande porte. Meu filho Ari formou-se como Bombeiro Civil, recentemente, e já atua no plantão de eventos ocasionais.

Para esta postagem, fiz várias pesquisas e selecionei a comovente apresentação acima, alguns vídeos e até sugestão de filme. Minha sincera homenagem ao Dia do Bombeiro.

Brigada 49 (título original em inglês “Ladder 49” - lançado em 2005 no Brasil). Muita ação e emoção, aliadas ao talento dos premiados atores Joaquin Phoenix e John Travolta, marcam esta vibrante produção entre homens comuns, mas de coragem excepcional. Repleto de emoção, humor e intensos efeitos visuais - a coragem e a dedicação demonstradas por esses heróis do dia-a-dia inspiram críticos e público em todo o mundo.

Veja abaixo um clip do filme, editado por Bruno Duarte - um tributo aos bombeiros de todos os cantos do planeta.


Conheça agora o treinamento de um brigadista, no vídeo Grande Hyatt São Paulo – Brigada de Incêndio. O Brigadista é qualquer pessoa que tenha passado por um curso de Brigada de Incêndio. O Brigadista faz um curso que dura 24 horas (muitas vezes menos que isso), ele é convocado ou se voluntaria para participar. É um funcionário de uma empresa, e atua em princípios de emergência. Não é uma profissão, e sim, uma qualificação.

Uma última sugestão: Veja no site JPL.com a foto panorâmica em 360º Incêndio em Montreal. Muito interessante!


Colaboração de Ari Hollaender

Um comentário: