Amor ao Planeta Terra

Melhor visualização na tela inteira

Formatação: Shirley Bruschi de Abreu
Fundo musical: Serenade, Schubert

É com satisfação que posto este lindo trabalho de Shirley B. de Abreu, que apresenta o texto de Lisiê Silva numa bela formatação.

O Dia da Terra foi criado em 1970, quando o Senador norte-americano Gaylord Nelson convocou o primeiro protesto nacional contra a poluição. É festejado em 22 de abril.

A população humana atual da Terra é de aproximadamente seis bilhões de pessoas. Para mantermos o equilíbrio do planeta, é preciso consciência dessa importância, a começar pelas crianças. Não se pode acabar com os recursos naturais, essenciais para a vida humana, pois não haverá como repô-los. O pensamento deve ser global, mas a ação local.

Confira abaixo trailer do filme, exibido no encontro de Copenhague, em dezembro de 2009.


Como será o mundo em 2040 se não agirmos agora contra o aquecimento global? O filme “The Age of Stupid” (A Era da Estupidez), da diretora Franny Armstrong, aborda esta temática. O ator Pete Postlethwaite, indicado para o Oscar, interpreta o último habitante da Terra, que guarda os vestígios que restaram da humanidade, enquanto se pergunta por que não fomos capazes de conter as mudanças climáticas a tempo.

Fonte: ambientebrasil

Faxina

Melhor visualização na tela inteira (full screen)
Formatação: Ria
Vez ou outra, é necessário desfazer-se de lembranças para um novo recomeço.

Veja também o vídeo de da especialista Rosane Santos, clicando na imagem abaixo! 



O mundo pede mais amor...



Que possamos nos esforçar para vivenciar na sua plenitude o conselho divino. “Amai-vos uns aos outros como Eu vos amei”

Se parássemos para refletir sobre a fonte da alegria mais plena, descobriríamos que ela está na bondade, na generosidade, na partilha.


Para melhor visualização clique na tela cheia. Clique a letra 'F' no teclado. 


Formatação: um_peregirno
Tema musical: “Daydream”, Wallace Collection 

Mães




Mais uma apresentação muito linda, formatada por um_peregrino para homenagear as mães. Sempre inspirando, sensibilizando e fazendo-nos refletir...

A Civilização começará no dia em que o bem-estar dos recém-nascidos prevalecer sobre qualquer outra consideração.” Wilhelm Reich 

Quem cuida de uma criança, seja filho biológico ou não, está contribuindo de modo determinante para o estabelecimento de uma Civilização digna deste nome.

Clique no vídeo e assista!

Melhor visualização na tela cheia. Clique "Play" e a letra F no teclado.

Formatação: um_peregrino
Fundo Musical: Instrumental